Sistema de energia elétrica fotovoltaica


Centro Médico de Ribeirão Preto instala sistema de energia elétrica fotovoltaica

A diretoria do Centro Médico de Ribeirão Preto, distrital da Associação Paulista de Medicina - APM  inaugurou, no dia 27 de janeiro, um sistema de geração de energia elétrica fotovoltaica – tecnologia que permite transformar a luz do sol em eletricidade por meio de módulos feitos de material semicondutor.

O sistema fornecido pela WEC², empresa ribeirão-pretana especializada no setor. trará uma economia  de R$ 1.800,00/mês de eletricidade, possibilitando uma produção de energia limpa e sustentável, sem emissão de gases poluentes ou outros resíduos.

Dr. Oswaldo Cruz Franco, presidente do Centro Médico recebeu o documento oficial do projeto das mãos do diretor Geral da WEC², Ricardo Torrente. Com a geração de 2.936 kWh (quilowatts por hora) de energia, o conjunto é composto por 76 placas de 315 Wp (watts-pico) para a captação de luz solar, instaladas sobre as telhas da cobertura do prédio da entidade e dois inversores de potência, postos sob uma cobertura em um dos corredores do espaço.

O investimento foi de R$ 165.000,00, sendo que R$ 100.000,00 foram conseguidos junto à APM, graças ao empenho da diretora da 6a Distrital da APM, Dra. Cleusa Cascaes Dias e da diretoria do Centro Médico, que responderá pelos R$ 65.000,00 restantes. A estimativa de retorno do investimento é de 5 a 6 anos.

Durante o evento, Lucas Junqueira, coordenador Operacional da WEC², apresentou aos convidados todo o funcionamento do sistema. Segundo ele, o projeto oferece o conceito de energia infinita e econômica. “O excedente não utilizado é enviado para a rede elétrica por meio de um relógio bidirecional, que marca a entrada e a saída de energia da propriedade. Esse excesso é recebido pela concessionária de energia elétrica, que em Ribeirão Preto é a CPFL, em forma de ‘créditos’ para a entidade. Eles serão compensados na conta no final do mês, ou seja, abatidos do valor total consumido”, explicou.

“O sistema consegue alimentar qualquer aparelho eletrônico ou eletrodoméstico da propriedade, além de ser extremamente silencioso. Caso ocorra alguma oscilação na rede tradicional, o Centro Médico não sofrerá qualquer interferência”, afirmou. Líder no mercado solar fotovoltaico brasileiro, desde 2015, a WEC² possui, atualmente, linhas de créditos específicas e especiais para esse tipo de investimento, tanto para Pessoa Física como para a Jurídica.

Energia limpa

A solar é a fonte de energia que mais cresce no mundo. Os Estados Unidos têm mais de 1 milhão de sistemas instalados. Na Alemanha há o equivalente a cinco usinas de Itaipu espalhadas em centenas de milhares de pontos de captação. No Brasil há, aproximadamente, segundo dados da Absolar (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), 66 milhões de consumidores residenciais de energia e cerca de 6 mil sistemas instalados. Os painéis são colocados, geralmente, em telhados, no caso de residências e comércio, mas também em estruturas de solo próprias para este fim, utilizadas, sobretudo, em indústrias de grande porte e usinas.